Site responsivo ou site mobile?

15 Março 2016 Aplicativos 33

É muito comum empresas solicitarem o desenvolvimento de um aplicativo para celular quando na verdade precisam de um site responsivo, ou vice versa. Apesar de terem a mesma finalidade, há uma diferença técnica significativa.

 

O que é um site responsivo?

É um site que tem o layout preparado para se adaptar ao formato de um tablet ou smartphone. Quando o visitante visualiza o site no computador, o formato se expande e aproveita toda a tela. No celular, as informações mudam de posição, mas preserva o tamanho das informações.

É comum os empresários acharem que, se seu site roda no celular, ele é responsivo. Todo site funciona no smartphone, porque se trata de um browser igual ao do computador. No entanto, quando ele não é responsivo, o visitante é obrigado a usar a famosa “mão de aranha”, abrindo e fechando para conseguir navegar e visualizar as informações.

A experiência do visitante é ruim e há uma tendência dele desistir de navegar no site. Dessa maneira, o objetivo final de gerar conversão (contato ou venda) dificilmente é atingido.

 

Como saber se um site é responsivo? 

Há duas formas de identificar um site responsivo: reduza o navegador na horizontal ou abra o site em um smartphone. O layout deve se adaptar automaticamente ao novo formato, sem a necessidade de rolar o site para o lado para visualizar todas as informações.

Exemplo do site responsivo, visualizado em navegador encolhido na horizontal:

site responsivo

Exemplo do site responsivo no smartphone:

site responsivo no smartphone

Site Responsivo X Site Mobile (web app)

Um site mobile, também chamado de web app, usa a mesma tecnologia de um site responsivo, mas tem um formato diferente do convencional. Normalmente, é mais utilizado para apresentar informações em formato de lista, para facilitar a navegação.

Ter um site para computador e um site mobile implica em dois layouts e dois desenvolvimentos distintos. Grandes empresas de e-commerce costumam ter um site convencional (“não responsivo”) e um site mobile, para garantir a melhor navegação possível. É o caso de e-commerces como Walmart, Americanas e Submarino.

Essa técnica permite ir ainda mais longe na usabilidade para dispositivos móveis. Em contrapartida, gera um custo duplicado.

Exemplo de site não responsivo. Para dispositivos móveis há um site mobile

Exemplo de site não responsivo

 Exemplo de um site mobile (web app)

Quando o servidor das Lojas Americanas reconhece que o dispositivo que está acessando é um smartphone, ele envia então para  a versão mobile. Se fosse um site responsivo seria a mesma versão desktop, só que com técnicas para que o  layout se ajuste no próprio browser.

site mobile (web app)

Site mobile (web app) x Aplicativo para Celular (app)

A diferença entre um web app e um app é grande. Tecnicamente, é 100% diferente.

Um aplicativo para celular é um software, que precisa ser instalado no smartphone e roda diretamente no sistema operacional. Já o site mobile roda em um browser, afinal, ele é um website com um formato diferenciado.

Um aplicativo mobile (app) pode atingir um desempenho muito melhor e tem capacidade para utilizar os recursos do dispositivo. A experiência do usuário é muito superior.

Grandes empresas costumam ter as duas soluções, pois há usuários resistentes a baixar um aplicativo. Nesse caso, o web app roda diretamente no navegador e não exige a instalação. Para o visitante faz sentido instalar (baixar) um app quando ele vai utilizá-lo com frequência. Quando é para usar uma única vez. Para consultar um produto esporadicamente, por exemplo, é mais cômodo usar o site mobile.

Por se tratar de um software, um app precisa lidar com as diferenças entre sistemas operacionais. É uma tecnologia mais recente e tem menos mão de obra disponível. Esse conjunto de fatores torna um projeto de aplicativo cerca de 3 vezes maior o valor, em relação à um webapp.

Se tratando de um negócio com volume de informações e pensando em um grande mercado, não há como fugir do APP.  A taxa de conversão (vendas), devido à usabilidade e performance, é maior. Além disso, para alguns projetos, que demandam alguns requisitos, somente um app terá condições de atender.

O que a sua empresa precisa: site ou aplicativo? Clique aqui e descubra. 

Exemplo de um aplicativo para celular (app)

aplicativo para celular

 

Qual deve ser o caminho do meu projeto? Site responsivo, site mobile (web app) ou aplicativo para celular (app)?

As informações desse artigo visam dar condições de ajudar nesta resposta. Cada projeto tem um orçamento e requisitos diferentes, por isso não há uma resposta direta.  

 

 

 

Fonte: Esauce

 

 

 

Aplicativo Mobile

15 Março 2016 Aplicativos 42

 

Aplicativo Mobile: Por que sua empresa deve ter um?

 

 

É fácil notar que o uso da tecnologia mobile nos últimos anos deixou as relações humanas mais dinâmicas. Criou-se um grande espetáculo no cenário digital e os grandes astros em crescente atuação são os aplicativos (ou Apps). Não é preciso ir muito longe para notar as pessoas cabisbaixas interagindo com seus smartphones, phablets e afins por longos períodos. Com certeza você já ouviu alguém se perguntando: será que já inventaram um aplicativo mobile para isso?

Os números falam por si só! Segundo a Teleco, em janeiro de 2017 existiam 243,4 bilhões de dispositivos mobile no Brasil, com uma média de 117,65 cel/100 hab. Segundo a Mobiletime uso de apps no ano de 2015 aumentou 58% em relação a 2014.

A facilidade de obter informações e a possibilidade de encurtar caminhos foram fatores fundamentais para que as pessoas aderissem em grande número ao mercado digital.

Com isso vem aquela dúvida: será que eu devo investir em um aplicativo mobile para o meu negócio?

Segundo a Exame, o Brasil já é o 6º maior mercado mundial de smartphones. Na mesma pesquisa temos que 41% dos brasileiros que possuem smartphone já realizaram alguma compra. Em novembro de 2015, 20% dos donos de smartphones possuíam algum aplicativo mobile pago, e 45% realizaram compra nos aplicativos.

Assim, os aplicativos se tornaram uma das principais formas de aproximar sua marca dos clientes. É um canal de informação direta com o seu cliente ou usuário. Um aplicativo mobile pode possuir diversas funcionalidades, como as notificações push, que enviarão promoções e informações que agregam valor às pessoas. Você pode até combinar seu aplicativo com Wearables ou até mesmo Beacons, que enviam notificações de acordo com a localização do usuário em sua loja física.

Criar um programa de fidelidade para quem usar seu aplicativo, oferecendo descontos ou acúmulo de pontos para quem for usuário recorrente. Isso pode ser feito através do envio de códigos promocionais e links únicos para quem usa o aplicativo. Usar o social media para permitir que as pessoas compartilhem conteúdo com os amigos também é uma boa opção.

aplicativo mobile - push notification

Seu aplicativo mobile gerará mais tráfego para o seu site. Isso ajudará com que você consiga atingir seu público alvo em vários canais. Lembre-se que quem é encontrado sempre vende mais!

Tudo isso irá melhorar o envolvimento com seu público e ajudará a melhorar o reconhecimento da sua marca junto a eles. Caso seus concorrentes ainda não possuam um aplicativo, isso será um diferencial competitivo em relação à eles. E através dessa experiência única oferecida ao seu público, você conquistará uma fatia maior de mercado.

Quais soluções um aplicativo pode oferecer para o meu negócio?

Varejistas e lojas on-line:

Você possibilitará que seu cliente faça tudo dentro do seu aplicativo. Permite que ele avalie, a adicione o produto a um carrinho de compras e a escolha da forma de pagamento. Promoções para quem comprar diretamente pelo App e várias outras funcionalidades que facilitarão que seu cliente realize a compra.

Restaurantes e bares:

Você pode criar um sistema de reservas para os clientes. Eles poderão ver as mesas disponíveis, selecionar a que mais o agrada e realizar a reserva no horário desejado. Um menu interativo que mostrará as promoções do dia, pratos mais pedido e que possibilite que ele faça o pedido diretamente pelo aplicativo.
Um serviço de entrega que permite que ele escolha o pedido, a forma de pagamento e insira o endereço, caso ele não se encontre em seu endereço padrão.

Prestadores de serviço:

Aqui as prestadoras de serviço podem mostrar uma cartilha com tudo que elas oferecem. Uma agenda com horários disponíveis, que o cliente possa agendar uma visita e acompanhar a hora certa que a equipe chegará ao local combinado.

aplicativo mobile para empresas

Como tudo será voltado para garantir uma experiência única para o usuário ou cliente, preocupe-se em colocar um sistema de análise. Isso permitirá que você identifique o comportamento das pessoas e melhore seu App para elas. Também permitirá que você colete dados referentes ao seu público, como a região, segmentos demográficos e o que eles mais procuram.

Tudo isso é voltado para garantir a satisfação do seu cliente e consequentemente suas vendas. Um estudo feito pela Salesforce mostrou que 70% das experiências de compra das pessoas são influenciadas por como elas são atendidas.

Análises feitas pela Techcrunch apontam que a Black Friday de 2016 bateu recorde de vendas. Grande parte graças às vendas mobile, que representou 1 bilhão de dólares, 1 terço do total das vendas. Sua empresa não pode deixar de aproveitar esses números, que não param de crescer.

Através do seu aplicativo mobile, você também conseguirá coletar feedbacks de maneira muito mais fácil. Isso te ajudará a melhorar seu negócio e a crescer cada vez mais, oferecendo um produto que seus clientes amam. Assim você conseguirá a lealdade deles.

Sua empresa também pode ter um aplicativo mobile para melhorar a produtividade

De acordo com a arc.applause, 85% dos trabalhadores que utilizam aplicativos acreditam que economizam tempo. 83% afirmam que os aplicativos mobile os tornam mais produtivos e 61% acreditam que eles têm alta usabilidade.

Os aplicativos desenvolvidos para aumento de produtividade devem ter o mesmo foco na experiência do usuário. Muitos economizam utilizando plataformas drag and drop e acabam criando aplicativos ruins e não intuitivos.

Isso provoca uma má experiência, tanto que na mesma pesquisa apenas 12% usam os aplicativos corporativos. 70% afirmam que os Apps não são intuitivos, não apresentam um bom design nem uma boa experiência. Por isso é importante ter uma equipe de TI qualificada para o desenvolvimento ou contratar uma empresa especializada.

Viu só como é interessante?! O aplicativo mobile permite, de forma mais fácil e rápida, aumentar o engajamento entre sua empresa e seus clientes, além de manter a sua marca na tela do usuário do seu app. Ele também pode aumentar a produtividade de toda sua equipe.

Fonte: Conrado Carneiro

 

 

 

O que é um aplicativo Mobile?

15 Março 2016 Aplicativos 103

Entenda o que é e porque ter um especialista em marketing digital ao seu lado.

 

Uma aplicação móvel ou aplicativo mobile é um software desenvolvido para ser instalado em smartphones e iPads. É baixado de uma loja on-line, como Google Play ou App Store, direto para o seu device portátil.
Qual é a receita de sucesso para um aplicativo mobile? Primeiro é essencial que ele tenha uma interface intuitiva, fácil de entender e navegar. A tecnologia deve ser invisível aos olhos do usuário. Fora isso, é muito importante que se pense no aplicativo mobile como uma empresa ou campanha, criando planos de negócios, marketing e financeiro.

 

É preciso pensar em como transformá-lo em um negócio lucrativo e de vida longa.

 

 

Para se ter uma idéia, dos cerca de 700 mil aplicativos mobile presentes na App Store por exemplo, 60% deles nunca foram baixados. O número é ainda mais assustador quando se descobre que somente dois mil aplicativos para iPhone conseguem resultados relevantes. Além disso, outra dificuldade é prolongar a vida útil da aplicação móvel, muitos tornam-se um sucesso de downloads e, na mesma velocidade, acabam no esquecimento dos usuários.

 

Diante deste cenário, por que tantos aplicativos não dão certo? Porque da mesma forma que cresce a demanda, cresce também a oferta de mão de obra para desenvolvimento, e a grande verdade é que a maioria dos profissionais informais não estão preparados para desenvolver a aplicação alinhada aos principais quesitos de sucesso. Hoje qualquer programador por exemplo consegue gratuitamente na web informações de como desenvolver uma aplicação mobile e o mercado de contratação informal pode ser o mais barato, mas não é o mais preparado para garantir o mínimo de performance do seu projeto mobile. É preciso uma equipe multi-disciplinar composta por profissionais preparados para desenhar desde a estrutura do sistema à interface da sua aplicação móvel.

 

O faturamento do mercado de apps cresce muito a cada ano, entretanto, poucos conseguem gerar retorno financeiro. Para que seu projeto mobile tenha sucesso, é preciso encarar o trabalho com profissionalismo e ter boas estratégias de negócio. Se você tem interesse em desenvolver uma aplicação móvel entre em contato com a Interativo Negócios. Aqui temos uma equipe preparada com os melhores designers e programadores, com experiência consolidada no desenvolvimento de aplicativos mobile. E não é só isso… caso seu projeto não esteja 100% definido você pode contar com um de nossos especialistas em marketing digital para fazer uma análise do Mercado em que pretende atuar e das possibilidades de sucesso de sua aplicação móvel.

 

 

 

Página 3 de 3

Quer ter um site otimizado investindo pouco?